Sendo um funcionário público concursado, o Auditor Fiscal atua nas esferas Municipal, Estadual e Federal.

Esse servidor público, trabalha com o planejamento e organização da administração tributária e aduaneira.

O Auditor Fiscal combate e previne a sonegação fiscal, além de ser responsável pelos tributos do Município, Estado ou União, auxiliando nas políticas tributárias.

Sendo um fiscal anti sonegação de impostos, o Auditor Fiscal fiscaliza a arrecadação de impostos do país, monitorando pessoas físicas e jurídicas, analisando taxas e outros itens fiscais como mercadorias e serviços, transações de importação e exportação, se preocupando com a distribuição de renda no Brasil e promovendo uma tributação mais igualitária para todos os brasileiros.

O Auditor precisa elaborar e proferir decisões, como restituições e compensações de tributos e reconhecimento de benefícios fiscais, constituir o crédito tributário e de contribuições, além de supervisionar atividades de orientação ao contribuinte.

Todo esse trabalho do Auditor Fiscal é feito na Secretaria da Fazenda ou Finanças no Município ou no Estado e na Secretaria da Receita Federal do Brasil.

Auditor Fiscal

Remuneração do Auditor Fiscal

O salário do Auditor Fiscal, depende de acordo com sua esfera de atuação, gratificações e tempo de serviço.

Sua remuneração é composta de salário base ou salário padrão e mais as suas gratificações por cumprimento de metas.

A carreira fiscal é muito concorrida nos concursos públicos, exatamente pelo salário desses profissionais serem altos.

Para uma jornada de 40 horas semanais, o Auditor Fiscal da Receita Federal oferece um salário inicial de 15 mil reais.

Para os auditores que trabalham como fiscais estaduais, sua remuneração chega aproximadamente a 10 mil reais, dependendo do Estado.

Já para os auditores municipais, o salário fica em torno de 8 mil reais.

Mas, dependendo das gratificações variáveis, dos prêmios por cumprimento de metas e produtividade e tempo de serviço, a remuneração do Auditor Fiscal, pode passar dos R$ 40.000,00.

Além dessa ótima remuneração, o Auditor Fiscal recebe outros benefícios, como auxílio-alimentação, auxílio-saúde, benefício pré-escolar, entre outros.

Sua carreira

É obrigatório passar no concurso público, seja para a carreira municipal, estadual ou federal.

Para ser um Auditor Fiscal, os candidatos a esse cargo devem ter diploma de nível superior, normalmente, não precisando de uma formação em áreas especificas.

Concurseiros formados em direito, física, matemática, história, geografia, nutrição, contabilidade são bastante vistos entre os concorrentes.

O concurso para esse cargo é muito concorrido e a prova é composta por questões objetivas e discursivas.

Os concurseiros estudam por mais de anos para concorrer a essa vaga e nem sempre conseguem uma boa colocação.

As matérias que caem na prova desse concurso público são as de:

  • Língua portuguesa
  • Raciocínio lógico,
  • Espanhol
  • Inglês
  • Auditoria
  • Contabilidade
  • Administração pública,
  • Finanças públicas
  • Economia
  • Direito civil
  • Direito penal
  • Direito comercial
  • Direito administrativo
  • Direito previdenciário
  • Direito constitucional
  • Direito tributário.

As disciplinas e conteúdos podem variar de acordo com o edital, em geral as provas contêm de 15 a 20 disciplinas.

Uma boa dica, é estudar os editais passados, pois esse concurso não possui mudanças bruscas nos períodos entre um concurso e outro.

Fazer um plano de estudo, estudar uma matéria por dia, fazer resumos, revisões diariamente para não esquecer nenhum conteúdo, é essencial para a sua aprovação.

Organizar um ambiente de estudo, deixar seu material organizado e limpo, longe de fontes de distração, também é um grande passo para a sua aprovação, pois sua dedicação, foco e concentração é muito importante.

O Auditor Fiscal deve ter conhecimento em Administração, Direito, Economia, Tributação e Finanças, além de ser responsável, dedicado, organizado, ter integridade e alto grau de comprometimento com o seu País.

Ele precisa combater a sonegação, fiscalizando o pagamento de impostos, ajudar a resguardar o sigilo bancário dos contribuintes, orientar sobre tributos e previdências, combater a evasão de lavagem de dinheiro e assegurar o equilíbrio do sistema.

O Auditor pode exercer suas atividades nas sedes das unidades arrecadadoras em que o profissional atua, como, Secretarias Estaduais da Fazenda, aeroportos, portos e aduanas.

Descubra também qual a remuneração de um Auditor Fiscal e quais as áreas de atuação.

Também faz parte do dia a dia do Auditor, atividades externas como diligências e fiscalizações.

O Auditor Fiscal que trabalha externo, tem flexibilidade de horário, podendo se organizar com seus horários e demandas, dentro do período comercial.

É possível também trabalhar com as tarefas em casa, apenas alguns órgãos exigem que o trabalho de análise seja feito nas repartições.

O Auditor Externo tem mais responsabilidade e cobranças para o cargo, assim, tendo um maior nível de estresse.

Leia também sobre o FCC concursos e veja outras oportunidades que você pode prestar e conseguir um bom emprego.

 concurso auditor fiscal salario

Auditor Fiscal e suas áreas

As instâncias para os concursos de Auditores Fiscais é uma escolha pessoal, que deve ser feita com atenção.

Se você não sabe por onde começar a estudar e o que fazer para conseguir grandes resultados, leia o artigo “Quer Ser Um Concurseiro de Sucesso“.

A área fiscal pode ser municipal, estadual ou federal, o que faz a diferença entre eles são os tipos de tributação, vejamos:

Federais:

  • Imposto de Exportação (IE)
  • Imposto de Importação (II)
  • Imposto de Renda (IR)
  • Imposto sobre Operações Financeiras (IOF)
  • Imposto sobre Produtos Industrializados
  • Imposto sobre Propriedade Territorial Rural (ITR)
  • Imposto sobre Grandes Fortunas (IGF)

Estaduais:

  • Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA)
  • Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS)
  • Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD)

Municipais

  • Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU)
  • Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISS)
  • Imposto sobre a Transmissão de Bens e Imóveis Inter Vivos (ITBI)

A carreira pública de um Auditor Fiscal é uma ótima opção pela sua remuneração e benefícios que não se encontram na Iniciativa Privada.

Autonomia no trabalho, qualidade de vida e de se tratar de um cargo muito respeitado, pois o profissional precisa ter muita integridade, responsabilidade, dedicação, organização e é um trabalho extremamente relevante para o país.

Veja também quais vagas estarão abertas para Concursos públicos em 2019 e saiba quais são suas remunerações.

Por esse motivo, esse cargo é muito concorrido nos concursos públicos.

Lembrando que você, concurseiro, não precisa esperar o edital ser publicado para começar a se preparar e estudar, pois o estudo para a sua formação, demanda muito tempo de preparação e dedicação.

O pedido para novos concursos públicos para Auditor Fiscal, pode sair em qualquer momento, comece a estudar e saia na frente dos outros candidatos, para conquistar a vaga dos seus sonhos.

Write A Comment